29 ª Jornada, I Divisão AF Setúbal, Grandolense - 2 Barreirense - 1

133 dias depois...


Uma volta depois, o F.C.Barreirense voltou a perder e, curiosamente, frente ao último adversário que o havia derrotado na Quinta do Conde, "O Grandolense". O resultado de 2-1 acabou por deitar por terra o objectivo de acabar a época com 16 jogos seguidos sem perder mas o mais importante foi o lançamento de mais dois juniores na equipa principal, os médios Ivan e Bachir, a que se junta Dieb (titular) e Daniel que voltou a entrar na 2ªparte. Só por isso valeu a pena este jogo, numa altura da época propícia a este tipo de experiências.


A jogar a favor do vento, os alvi-rubros estiveram sempre mais perto do golo que o adversário, na 1ªparte, apesar do equilíbrio de forças na grande maioria do tempo. Logo ao minuto 4, Rossano cobra um livre, na direita, e aproveitando o vento, a bola quase entra directamente na baliza não fosse a atenção de Zé Manuel a socar para canto.
Mas o minuto 11 chegou e levou a que do lado esquerdo se construísse a jogada do golo barreirense: Rossano desmarca Dieb que, com a sua velocidade, se antecipa a Jean e o capitão do Grândola derruba o jovem alvi-rubro dentro da área. Penalty indiscutível que João Nuno transformou no primeiro golo do jogo.
Mais perigo só aos 24 e 35 minutos, curiosamente, com o mesmo protagonista: o capitão do F.C.Barreirense David Martins. Na primeira situação, o livre do número 17 saiu perto da barra, já no 2ºlance que dispôs e após jogada de Rossano, o capitão rematou à entrada da área para uma defesa incompleta de Zé Manuel.
Quando todos aguardavam o intervalo e numa bola longa, Gilberto deixou-se antecipar por Varela mas o experiente jogador rematou para as nuvens naquela que foi a única vez que o Grandolense rematou à nossa baliza na 1ªparte.
 
Feitiço voltou-se contra o feiticeiro
 
A 2ªparte teve a reacção, natural, de uma equipa que não perde em casa desde 28 de Novembro do ano passado e num espaço de 5 minutos, deu-se a reviravolta no marcador (algo inédito esta temporada) fruto de uma maior velocidade sobre a bola que a equipa da casa impôs. Aos 51 minutos, Tiago aparece solto na direita e remata para a defesa de Diogo Chaleira com os pés, a bola volta para Tiago que cruza, André Cansado alivia e Varela, de forma acrobática, empata a partida. Aos 56´, novo lance do lado direito com o cruzamento a sair atrasado para Paul receber e rematar para o poste mais longe.
A perder, o Barreirense tenta pegar no jogo mas já não teve o mesmo discernimento da 1ªparte. Mesmo assim, Varela (do Barreirense) teve na cabeça uma óptima chance para reempatar o desafio, após cruzamento de André Cansado, mas milagrosamente a bola foi embater num defesa da casa com o guarda-redes fora do lance.
Com um ameaço de Amadeu pelo meio, aos 70 minutos, após canto de João Nuno, o forcing barreirense parecia não ser suficiente para impedir a primeira derrota dos últimos quatro meses e meio até que chegou o minuto 90. Grande passe de Daniel Lourenço para Amadeu que recebeu com o peito e isolou-se, com tudo para fazer o golo, o ponta-de-lança barreirense viu Zé Manuel dar, autenticamente, os três pontos ao Grandolense com uma defesa do outro mundo.
Quanto à arbitragem de João Marques, voltou a ser enervante. Foi uma sinfonia do apito, algo habitual, pelos vistos, neste árbitro. 
 
Ficha do jogo:
 
Campo: Municipal nº1 de Grândola
Piso: Sintético 
Árbitro: João Marques
Árbitros Auxiliares: Pedro Almeida e Ricardo Cordeiro

Tempo: Muito Sol e vento

O Grandolense: Zé Manuel; Chaves, Jean (c), Rui Lopes, Mico, Bengalinha (Fábio aos 65´), Nicolau, Paul (Chiquinho aos 73´), Borges, Tiago e Varela
 
Não jogou: Heleno
 
Treinador: António Gomes
Treinador-Adjunto: Zé Alberto  
 
Cartões Amarelos: Chaves (23´), Bengalinha (55´) e Tiago (81´)    
Golos: Varela (51´) e Paul (56´)
   
Barreirense: Diogo; André Cansado, Valter, Gilberto e Rossano; David Martins (c), João Nuno e Ivan (Bachir aos 57´); André Silva (Varela aos 61´), Dieb (Daniel aos 61´) e Amadeu  
 
Não jogaram: José Carlos, Tiago Fino (junior), Miguel Gomes e Cláudio

Treinador: Duka
Treinador-Adjunto: João Renato
   
Cartões Amarelos: Ivan (27´), Rossano (75´), Bachir (76´), Varela (81´) e Daniel (82´)  
Golo: João Nuno (11´g.p.) 

Ao intervalo: 0-1
No final: 2-1        

Próximos eventos

sábado, 01 outubro 2022 - 10:30 -11:45 : Colégio Atlântico - FCB (Sub-13 Fut 9)
sábado, 01 outubro 2022 - 10:30 -11:45 : FCB - Desp.Fabril (Sub-13 Fut 7)
sábado, 01 outubro 2022 - 15:00 -16:45 : FCB - Amora (Sub-19)
sábado, 01 outubro 2022 - 17:00 -18:45 : FCB - Basket Almada (Sub-16)
sábado, 01 outubro 2022 - 18:00 -19:30 : São Roque Faial - FCB (Seniores)
sábado, 01 outubro 2022 - 18:00 -19:30 : Banheirense - FCB (Juvenis)
sábado, 01 outubro 2022 - 21:00 -22:45 : Benfica(B) - FCB (Seniores)

Últimos comentários

  • Carlos Matos
    Exibição pobre para mim que ...

    Ler mais...

     
  • Rui G
    Qual 1904... até isso roubaram....

    Ler mais...

     
  • Jose
    Apenas um relato de um roubo, muito ...

    Ler mais...

     
  • Paulo S
    Uma vez corruptos, corruptos ...

    Ler mais...

Siga-nos no...

RSS youtube facebook twitter

Contactos - www.fcbarreirense.com