II Liga de Honra, 21ª Jornada, Barreirense 3 - Portimonense 0

Mas que tarde marafada
Ferreirinha conquistou a 1ªvitória ao leme do F.C.Barreirense e logo por três bolas a zero, num jogo em que ficou demonstrado que os reforços de inverno já rendem pontos. Depois da boa imagem deixada na Vila das Aves, a melhoria exibicional da equipa parece ter encontrado uma esperança, ainda que ténue na desejada recuperação na tabela classificativa.


Sem poder contar com Carioca, lesionado de última hora, mas com Kali - que se estreou no campeonato após a suspensão de 6 meses devido a doping - ao lado de outro reforço, João Comboio e juntando os primos Ailton e Dionisío na frente de ataque, o Barreirense mostrou que se encontra em franca recuperação e demonstrou dois pormenores muito importantes: primeiro a segurança defensiva que não permitiu qualquer veleidade ao algarvios e depois a eficácia, algo que ainda não tinha sucedido no campeonato.

Foi, portanto uma 1ªparte de sentido único com os alvi-rubros a jogar um futebol muito prático e acima de tudo eficaz, juntanto à segurança defensiva, concentração e uma grande vontade de vencer. Com Hugo Morais no onze inicial, o flanco esquerdo ganhou nova alma o que juntando a um inspirado Manuel do Carmo, permitiu que as alas podessem servir os primos guineenses na frente de ataque. Sem espanto, o descalabro algarvio começou aos 18 minutos de jogo com o golo inaugural da autoria de Hugo Morais, que descaído pela direita à entrada da área, rematou à 2ªtentativa, ao poste mais distante de Fouhami, que ficou a ver a bola anichar-se no fundo das redes.

Cinco minutos depois, o melhor lance do jogo foi premiado com o 2ºgolo para os alvi-rubros, um lance que já havia permitido chegar ao empate na Vila das Aves. Após várias trocas de bola no meio-campo a bola surge para o cruzamento de Saavedra na direita, para a cabeça de Dionisío apontar o seu primeiro golo no campeonato, mais uma vez sem hipóteses para Fouhami. Com 2-0 no marcador, o Portimonense teve a sua única situação perigosa no jogo quando, no minuto seguinte, Luis Marques apareceu pela frente de Pedro Cardoso mas o guardião barreirense demonstrou toda a sua atenção defendendo o remate do algarvio.

Aos 36 minutos de jogo, surge o 3-0 com Ailton a trabalhar a bola na área tentando desmarcar Dionisío, este em esforço, consegue antecipar-se a Fouhami e tocar novamente para Ailton que só teve que encostar para o golo. Ora, com três golos de vantagem, Ferreirinha conseguiu que a sua equipa que lhe desse o que queria, que era tentar conseguir estar em vantagem no marcador logo de início, porque assim lhe permitia controlar melhor o jogo. E foi isso mesmo que se passou na 2ªparte, com os alvi-rubros a viverem dos rendimentos alcançados nos primeiros 45 minutos.

Mesmo assim o Portimonense ainda tentou reagir e reduzir a desvantagem, e até teve uma bola na barra depois de um cruzamento-remate de Ricardo Pessoa, mas o facto de Fouhami ter sido expulso, aos 49 minutos com vermelho directo, depois de travar Manuel do Carmo quando este se encontrava em posição de fazer o 4-0, atirou por terra as poucas esperanças dos algarvios.

O Barreirense, optou então pela circulação do esférico e podia ter feito mais um golo à passagem dos 55 minutos de jogo num cabeceamento de Ailton que permitiu a Nuno Ricardo fazer a defesa da tarde. O Portimonense não podia fazer mais nada se não esperar pelo terminus da partida e tentar não sofrer mais golos enquanto que Ferreirinha tinha o jogo na mão e optou por jogar pelo seguro.

Com este triunfo o Barreirense encurtou, ainda que ligeiramente a distância para o primeiro lugar acima da linha de água, que passou a ser agora o Estoril, para 9 pontos. A arbitragem de Paulo Costa não agradou muito aos adeptos alvi-rubros tendo perdoado um penalty de Duka sobre Ailton já no finalzinho do encontro quando o guineense deu a sensação de ter sido tocado na altura que se preparava para rematar.

Filme do jogo:

5'- remate cruzado de Ailton com Fouhami a defender com dificuldades
18'- Golo 1-0 (Hugo Morais)
23'- Golo 2-0 (Dionisío)
24'- Luis Marques recebe a bola na esquerda, tira Marco Airosa da frente, e remata para defesa apertada de Pedro Cardoso
25'- Cavaco remata fraco à figura de Pedro Cardoso
36'- Golo 3-0 (Ailton)
40'- Cavaco tenta novo remate mas desta vez a bola sai por cima
46'- remate, de pé esquerdo, de Saavedra ao lado
48'- cruzamento-remate de Ricardo Pessoa à barra
49'- expulsão de Fouhami
55'- cruzamento de Saavedra, da direita, Nuno Ricardo, não segura e Hugo Morais não chega por pouco, aparecendo Luis Marques a aliviar
56'- livre de Saavedra, na esquerda direitinho para a cabeça de Ailton, que remata para a defesa da tarde de Nuno Ricardo
68'- cruzamento de Welington da direita, com Heitor a cabecear por cima
71'- Marco Airosa substituído por Marco Bicho
75'- canto no lado esquerdo para o Portimonense, Heitor cabeceia ao 2ºposte para a pequena área, mas Manuel do Carmo alivia
80'- Hugo Morais substituído por Hugo Machado
83'- remate forte de Saavedra à entrada da área, mas à figura de Nuno Ricardo
86'- remate de Pedro Duarte ao lado
88'- boa circulação de bola por parte do Barreirense com Marco Bicho a rasgar a defesa algarvia com um passe para Hugo Mahado que remata, cruzado, ao lado
89'- Ailton substituído por Moreira
90'+3'- cruzamento de Manuel do Carmo, na direita, Filipe alivia para a entrada da área onde aparece Marco a rematar ao lado


Ficha do jogo:
 

Estádio - D Manuel de Mello - Barreiro
Árbitro - Paulo Costa (Porto)
Assistentes - Vitor Carvalho e Eduardo David
4º Arbitro - João Lamares

Barreirense - Pedro Cardoso; Marco Airosa (Marco Bicho 70'), Kali, João Comboio, Pedro Duarte, Manuel do Carmo, Hugo Morais (Hugo Machado 80'), Marco, Saavedra, Ailton (Moreira 88') e Dionísio.
Não jogaram - Paulo Silva, Miguel Ângelo, Marinho e Bruno Severino
Treinador - Ferreirinha
Delegado - Rui Pedro
Disciplina - amarelos, João Comboio (44') e Ailton (58')
Marcadores - Hugo Morais (18'), Dionísio (22') e Ailton (36')

Portimonense - Fouhami ; Duka, Ricardo Pessoa, Filipe, Cavaco (Naacisse 63'), Carlos Mota (Ricardo 52'), Luís Marques, Ronaldo (Welington 25'), Artur Jorge, Marinho e Heitor.
Não jogaram - João Vitor , Miguel Beto, Situstk e Carlos Gomes
Treinador - Diamantino Miranda
Delegado - Amílcar Delgado
Disciplina - amarelos, Cavaco (18'), Carlos Mota (25') e Duka (34')
Cartão Vermelho - Fouhami (49')

ao intervalo: 3-0



Nas cabines:

Ferreirinha (treinador do F.C.Barreirense):

"Quero dar os parabéns a estes profissionais do Barreirense pela coragem e determinação com que abordaram este jogo. Estamos a crescer, estamos mais fortes em especial depois dos reajustes que fizemos e hoje tivemos mais oportunidades que o Portimonense na 1ªparte, de onde aproveitámos para fazer o resultado.
Na 2ªparte tivémos boa posse de bola e falhámos mais um ou outro golo.
O Kali é uma mais valia e juntamente com o Ailton e o Dionísio, que estão mais entrosados e mecanizados fazemos um colectivo forte.
O ponto de viragem já devia ter começado em Vizela, já que pela 2ªparte que fizemos não merecíamos perder. Na Vila das Aves fomos os melhores em campo e viemos tristes pelo empate perante uma equipa candidata à subida e hoje conquistámos uma vitória sem contestação.
Não ganhámos nada ainda, sabemos que temos um caminho cheio de espinhos e sofrimento, mas penso que nos vamos manter na 2ªliga.
Os jogadores já mereciam este triunfo pelo seu profissionalismo do dia a dia e pelo trabalho realizado. Já chega de injustiça do factor sorte. A vitória é para o público que será muito importante na recuperação da equipa."


Diamantino Miranda (treinador do Portimonense):
"Sofremos uma derrota indiscutível num jogo atípico já que nos primeiros três lances de golo o Barreirense marcou três golos, ou seja, 100% eficácia. Sofremos golos caricatos e fomos abaixo. Na 2ªparte tivemos mais a expulsão do guarda-redes e o Barreirense geriu muito bem, foi mesmo fácil demais. Estamos a atravessar uma fase muito complicada. Há 15 dias jogámos contra o Leixões desfalcados e hoje jogámos com menos 5 titulares. O Barreirense foi buscar 5 jogadores e nós dispensámos e vendemos atletas. Não há equipa que aguente isto, mesmo o Chelsea e o Barcelona abana quando falta 6 jogadores. Estamos muito acima do esperado para esta época, já nos falta poucos pontos para alcançar a manutenção, mas temos a ambição de lutar pelos lugares de subida."

O vice-presidente Paulo Pardana também falou na sala de imprensa sobre um adepto muito especial:
"Queremos dedicar esta vitória a Luis Banha, um adepto barreirense de 81 anos que se magoou na última viagem que fizemos à Vila das Aves, esperando que recupere o mais rápido possível.
Iremos de seguida à casa do Sr.Luis para lhe oferecer uma camisola autografada pelo plantel."

O site não oficial irá mostrar, na próxima 3ªfeira, a homenagem ao azarado adepto.

Fotos do jogo >>>
Fotos do adeptos >>>
Video dos golos >>>


Próximos eventos

sábado, 08 junho 2024 - 10:30 -11:45 : FCB: 9 - Comércio e Indústria: 0 (Sub-13 Fut9)
sábado, 08 junho 2024 - 11:45 -12:50 : FCB(B) - Vasco Gama Sines(B) (Sub-11)
domingo, 09 junho 2024 - 11:00 -12:35 : V.Setúbal: 2 - FCB: 0 (Sub-15)
domingo, 09 junho 2024 - 16:00 -17:30 : FCB: 2 - Quinta Lombos: 4 (Sub-15)
domingo, 16 junho 2024 - 11:00 -12:35 : Louletano: 0 - FCB: 2 (Sub-15)
sábado, 22 junho 2024 - 10:00 -11:30 : FCB - Pedra Mourinha (Sub-15)
domingo, 23 junho 2024 - 10:00 -11:30 : FCB - ? (Sub-15)

Últimos comentários

  • Carlos Matos
    Exibição pobre para mim que ...

    Ler mais...

     
  • Rui G
    Qual 1904... até isso roubaram....

    Ler mais...

     
  • Jose
    Apenas um relato de um roubo, muito ...

    Ler mais...

     
  • Paulo S
    Uma vez corruptos, corruptos ...

    Ler mais...

Siga-nos no...

RSS youtube facebook twitter

Contactos - www.fcbarreirense.com