2ª Jornada, III Divisão Serie E, Fabril Barreiro - 1 Barreirense - 1

Foto: Fabril Barreiro - BarreirenseCapitão goleador salva alvi-rubros da derrota
 
O velho derby está de regresso. Fabril e Barreirense voltaram a defrontar-se para o campeonato e para não fugir à regra dos últimos seis jogos entre ambos os conjuntos, voltou a dar empate, sendo que todos os seis últimos desafios se realizaram no Estádio Alfredo da Silva.
Depois de um período inicial de estudo mútuo, o Desportivo Fabril começou a ganhar ascendente na posse de bola e nas iniciativas ofensivas. A equipa de Conhé mostrava-se plenamente adaptada às dimensões colossais do relvado do Alfredo da Silva, o que para uma equipa habituada a treinar num campo de futebol de 7, como os alvi-rubros, tornou-se por vezes complicado.


Mesmo assim, a primeira grande situação de perigo do jogo ocorreu numa boa iniciativa do meio-campo barreirense com Nuno Dias a conseguir ganhar espaço e a rematar muito forte para uma grande defesa de Ruben, aos 14 minutos.
A partir desse lance, a equipa da casa procurou responder mas sem grande perigo para as redes de José Carlos. Por sua vez, o Barreirense respondia como podia e David Pinto e Vasco Firmino estiveram perto de ser felizes, mas não mais do que isso.
 
José Carlos com as mãos, David Martins com cabecinha
 
A 2ª parte foi mais complicada para os alvi-rubros que começaram a acusar o esforço do facto de não estarem habituados à relva natural bem como às dimensões do mesmo, aliás como havíamos referido anteriormente.
A juntar a esses factos, Duka pretendeu arriscar na colocação de Amadeu ao lado de Vasco Firmino no centro do ataque mas o que se pretendia que fosse uma procura pela vitória, mostrou-se ser quase o motivo para a derrota alvi-rubra.
O Fabril começou a ter mais espaços na intermediária e em especial após o golo de Ruben Guerreiro, aos 55 minutos.
O Barreirense tremeu e em três minutos, a equipa da casa podia ter acabado com a partida mas José Carlos não esteve pelos ajustes e fez duas defesas que manteve os alvi-rubros ligados ao jogo.
Até que surgiu em cena, o "matador" David Martins. O capitão do Barreirense que apontou dois golos em outros tantos jogos particulares nas últimas duas semanas de interregno no campeonato (na Cova da Piedade e em Paio Pires), voltou a molhar a sopa, e aos 82 minutos aproveitou um pontapé de canto para cabecear para o golo do empate.
Os últimos minutos foram de muito sacrifício para os alvi-rubros já que a equipa da casa teve 3 oportunidades enormes para chegar à vitória, mas que não passaram disso mesmo e o empate, feliz, acabaria por ser mais uma vez, o desfecho final do derby barreirense.
 
Ficha do jogo:
 
Campo: Alfredo da Silva, no Lavradio
Piso: Relvado natural
Árbitro: Pedro Pereira (Lisboa) 
Tempo: Sol com algumas nuvens e vento
 
Desportivo Fabril: Ruben; Carlos André (c), Marinheiro, Rui Correia, Letras, Miguel Pimenta, Espanta, Danilo, Bolinhas, Ruben Guerreiro e Bruno Cruz
 
Suplentes: Bonifácio; Mota, Luis Conceição, Mário Jorge, Banana, Catarino e Cunha
 
Cartões Amarelos: Ruben Guerreiro (71´) e Ruben (81´) 
Substituições: Danilo por Banana (14´), Bolinhas por Catarino (72´) e Ruben Guerreiro por Luis Conceição (75´)   
Golo: Ruben Guerreiro (55´) 
 
Treinador: Conhé
Treinador-Adjunto: Marco Tábuas 

Barreirense: José Carlos; Miguel Gomes, Valter, Bruno Costa, Lampreia, David Martins (c), João Nuno, David Pinto, Nuno Dias, Bailão e Vasco Firmino 
 
Suplentes: Carlos Soares; André Cansado, Monzelo, Sérgio Canas, Vasco Campos, João Racha e Amadeu 
 
Cartões Amarelos: David Martins (23´), Sérgio Canas (31´no banco de suplentes), David Pinto (47´), Amadeu (85´) e Miguel Gomes (90´+1´)
Treinador-Adjunto, João Renato, expulso do banco aos 55 minutos
Substituições: João Nuno e Nuno Dias por Vasco Campos e Amadeu, respectivamente (ao int.) e Vasco Campos por Monzelo (63´)  
Golo: David Martins (82´)  

Treinador: Duka
Treinador-Adjunto: João Renato
 
Filme do jogo:

13´- DF - Canto de Bolinhas, cabeça de Espanta em balão, com José Carlos a controlar a bola que sai perto do poste.
14´- FCB - Iniciativa de Valter a entregar a David Pinto pelo centro do relvado, o nº 16 barreirense dá a Nuno Dias que corre mais alguns metros com a bola e dispara à entrada da área para uma defesa difícil de Ruben. Grande jogada.
22´- DF - Cruzamento de Ruben Guerreiro, Banana não consegue cabecear.
25´- DF - Novamente o mesmo Ruben Guerreiro pela direita do ataque a cruzar, desta vez é Bruno Cruz que não chega a tempo.
28´- FCB - Jogada de Vasco Firmino pela esquerda, com dois adversário pela frente, entrega a Bailão que em boa posição remata para as mãos de Ruben.
30´- FCB - Jogada de João Nuno pela direita, passe para Vasco Firmino que remata ligeiramente ao lado, ainda desviado pela defesa da casa. Canto.
34´- DF - Contra-ataque do Desp.Fabril por intermédio de Ruben Guerreiro pela direita, cruzamento para o 2º poste onde Bolinhas remata com força e sobre a barra.
38´- DF - Canto de Bolinhas, cabeça de Rui Correia para a defesa a punhos de José Carlos.
48´- FCB - Lampreia cruza, Ruben soca a bola para a frente, Vasco Firmino remata acrobaticamente mas contra um defesa da casa.
53´- DF - Livre apontado de forma curta, em zona central, com Bolinhas a rematar fraco e ao lado da baliza de José Carlos. 
55´- DF - Golo do Fabril: cruzamento de Bolinhas desde a esquerda e cabeça de Ruben Guerreiro para o fundo da baliza. 1:0. Os jogadores do Fabril decidem festejar o golo junto ao banco do Barreirense e quem acaba por sofrer as consequências é o Treinador-Adjunto João Renato que recebe ordem de expulsão...
60´- FCB - Livre de David Pinto, em arco, para defesa atenta de Ruben para canto.
61´- DF - Passe para as costas da defesa barreirense, Vasco Campos lesiona-se ao fazer o sprint para acompanhar Bolinhas o que deixa o nº 25 do Fabril isolado perante José Carlos que consegue negar o golo ao avançado contrário. Muito Perigo.
64´- DF - Mais um lance de muito perigo com passe de Bruno Cruz para o interior da área onde Ruben Guerreiro ganha a Bruno Costa e remata para defesa difícil de José Carlos.
65´- FCB - David Pinto, sem linhas de passe, corre desde o meio-campo e já perto da área remata sobre a barra.
71´- DF - Miguel Pimenta remata à entrada da área, José Carlos defende junto ao relvado
74´- FCB - Passe longo para Vasco Firmino que roda e chuta, já de ângulo difícil, para a defesa de Ruben.
82´- FCB - O Barreirense chega ao empate: Canto de Bailão no lado direito do ataque, há um desvio ao 1º poste de um jogador do Barreirense que não conseguimos vislumbrar e David Martins aparece a cabecear, em mergulho, para o golo da igualdade, festejado em conjunto com a claque do Barreirense. 1:1.
85´- DF - Os últimos minutos foram de sufoco para os homens de Duka: jogada de Bruno Cruz que já na área cruza atrasado para o remate de um seu companheiro e quando a bola se dirige para a baliza, Lampreia corta de cabeça sobre o risco de golo. Muito perigo.
86´- DF - No minuto seguinte, cruzamento do lado esquerdo e Catarino a cabecear não muito longe do poste esquerdo de José Carlos.
88´- DF - Espanta aproveita uma bola a saltitar perto da área contrária e remata forte com a bola a raspar na barra.
90´+5´- DF - Mais um susto para o Barreirense na sequência de um pontapé de canto da direita, cabeceamento de Bruno Cruz a rasar a barra.

 

Próximos eventos

domingo, 18 agosto 2024 - 17:00 -18:45 : FCB - Moura (Seniores)

Últimos comentários

  • Carlos Matos
    Exibição pobre para mim que ...

    Ler mais...

     
  • Rui G
    Qual 1904... até isso roubaram....

    Ler mais...

     
  • Jose
    Apenas um relato de um roubo, muito ...

    Ler mais...

     
  • Paulo S
    Uma vez corruptos, corruptos ...

    Ler mais...

Siga-nos no...

RSS youtube facebook twitter

Contactos - www.fcbarreirense.com