Desp.Fabril: 1 - Barreirense: 1 (7-8 nas grandes penalidades) - Taça Cidade do Barreiro

 Bi-vencedores da Taça Cidade do Barreiro
 
Os alvi-rubros conquistaram pelo 2º ano consecutivo a Taça Cidade do Barreiro após vencer o Desportivo Fabril nas grandes penalidades (7:8) com 1:1 no final do tempo regulamentar.
Foi um Barreirense com várias mudanças em relação ao habitual desde logo com as estreias de Hristo e Dwayne e sem 4 das habituais opções no Campeonato de Portugal Prio, a saber Kaká, Crisanto, Patrick e Capitão-Mor.
Melhor entrada no jogo por parte da equipa da casa com o capitão Espanta a ameaçar num remate de longe que não passou longe (7´). Respondeu, no minuto seguinte a equipa alvi-rubra com João Nuno a aproveitar um toque de Nelson Torres para fazer um cruzamento/remate que Tiago Marinheiro sacudiu para canto.

Mas foi o Desportivo Fabril que voltou a incomodar com Michael a ir à linha e a cruzar para o cabeceamento de Tony à figura de Kevin (13´). O mesmo lateral esquerdo voltou a estar em foco pouco depois num livre em que Kevin teve que mostrar toda a atenção (25´).
Mas foi à passagem da meia-hora que o Desportivo Fabril esteve mais perto do golo num grande remate de Bachir que passou muito perto do poste direito de Kevin.
A partir deste lance, o Barreirense conseguiu responder de forma mais convicta e teve as suas melhores situações para marcar como foi o caso do minuto 34 altura em que um passe de Mauro isolou Bailão que à saída do guarda-redes tocou sobre o guarda-redes mas também sobre a barra.
Perto do descanso foi a vez de João Nuno marcar um livre para a cabeça de Nelson Torres que rematou muito perto do poste esquerdo da baliza fabrilista.
 
No reatamento os técnicos de ambos os conjuntos procuraram fazer entrar todos os seus jogadores que tinham no banco de suplentes, no total foram 15 as alterações efetuadas, e foram dois desses jogadores que podiam ter feito o primeiro do jogo, quando Amadeu serviu Ruben Guerreiro e este à saída do guarda-redes não conseguiu o desvio final (49´).
A equipa da casa viria a responder por intermédio de Tony num disparo que não passou longe (56´) numa altura em que o jogo estava perfeitamente equilibrado e sem superioridade de nenhum dos conjuntos.
Ruben Guerreiro, com uma boa iniciativa na direita, colocou a bola ao alcance de Bailão que não conseguiu o desvio de cabeça, aos 65 minutos e na resposta Bruno Paixão apita grande penalidade de Nuno Afonso assinalando mão na bola do central barreirense. Espanta fez o 1:0.
Bulhão ameaçou o empate (71´) num livre onde Tiago Marinheiro tocou para canto mas Tony também não se ficou atrás e rematou com algum perigo pouco depois (77´). Só que, no minuto seguinte, o livre de Bulhão foi direitinho para a cabeça de Ruben Guerreiro que restabeleceu a igualdade.
A parte final da partida foi do Barreirense, onde Bailão esteve perto de ser feliz (88´) num cabeceamento que foi desviado para canto.
Depois vieram as grandes penalidades onde só ao final da 18ª marcação se encontrou o vencedor após Caló ter atirado à barra (7:8).
No final quem ficou a ganhar foi o futebol e a instituição na qual reverteu a receita do jogo.
 
Ficha do jogo:
 
Campo: Alfredo da Silva, no Lavradio
Piso: Relvado Natural
Árbitro: Bruno Paixão (Setúbal)
Tempo: Muito Nublado a ameaçar chuva
  
Desp. Fabril: Tiago Marinheiro; Adérito, Luis Conceição, Calu, Michael, Bachir, Espanta (c), Miguel Pimenta, Tony, Silva e Tiago Almeida
        
Suplentes: Rafa Assunção; Rui Arsénio, Tiago Correia, Caló, Farinha, Paulo Letras, Ruben Reis e Rafa Matos
   
Substituições: Só não entrou o guarda-redes Rafa Assunção
Cartão Amarelo: -
Marcador: Espanta (67´ de gp)
       
Treinador: Miguel Correia
         
Barreirense: Kevin; Carlos André, Carlos Jesus, Nuno Afonso, Ricardo Bulhão, David Maside, João Nuno, Mauro, Nelson Torres, Hristo e Bailão
      
Suplentes: Pardana; Paulo Matos, Walney, Tabaluxa, David Pinto, Dwayne, Ruben Guerreiro e Amadeu
        
Substituições: Entraram todos
Cartões Amarelos: -
Marcador: Ruben Guerreiro (78´)
        
Treinador: Pedro Duarte
Treinador-Adjunto: Paulo Filipe
 
Filme das Grandes Penalidades:
0:1 - Bailão
1:1 - Espanta
1:2 - Bulhão
1:2 - Paulo Letras (defesa de Pardana)
1:3 - David Pinto
2:3 - Tiago Correia
2:4 - Ruben Guerreiro
3:4 - Rui Arsénio
3:4 - Amadeu (defesa de Tiago Marinheiro)
4:4 - Tony
4:5 - Dwayne
5:5 - Rafa Matos
5:6 - Tabaluxa
6:6 - Calu
6:7 - Carlos Jesus
7:7 - Ruben Reis
7:8 - Walney
7:8 - Caló (atirou à barra)

 

Próximos eventos

domingo, 16 junho 2024 - 11:00 -12:35 : Louletano: 0 - FCB: 2 (Sub-15)
sábado, 22 junho 2024 - 09:00 -10:30 : FCB: 5 - Pedra Mourinha: 1 (Sub-15)
domingo, 23 junho 2024 - 09:00 -10:30 : Jardim Amoreira: 3 - FCB: 2 (Sub-15)

Últimos comentários

  • Carlos Matos
    Exibição pobre para mim que ...

    Ler mais...

     
  • Rui G
    Qual 1904... até isso roubaram....

    Ler mais...

     
  • Jose
    Apenas um relato de um roubo, muito ...

    Ler mais...

     
  • Paulo S
    Uma vez corruptos, corruptos ...

    Ler mais...

Siga-nos no...

RSS youtube facebook twitter

Contactos - www.fcbarreirense.com