II Liga de Honra, 15ª Jornada, Barreirense 2 - Marco 3

Marco negro

Foi um dia negro para o nosso clube, não só porque perdemos, mas também porque pela primeira vez sofremos 3 golos, perdemos em casa, - algo que não acontecia há 19 meses - e claro pela triste noticia da saída do nosso técnico, Rui Bento, que quer se queira quer não, não é muito normal no nosso clube.

Perante um adversário do nosso campeonato, a vitória era fundamental como de pão para a boca, mas cedo se viu que não era o nosso dia. Aos 2 minutos, um lançamento de linha lateral?? de Albertino, foi parar à cabeça de Sílvio que desviou sobre Paulo Silva fazendo o primeiro golo da partida, perante uma defesa barreirense completamente pregada ao relvado. Um golo incrível que nem nos regionais já se vêem.

Depois do choque inicial, o Barreirense reagiu muito bem, empurrando o seu adversário para o seu meio campo e em duas belas jogadas pelo flanco direito conseguiu o mais difícil, dar a volta ao resultado. O empate surgiu aos 14 minutos, numa grande jogada colectiva, onde Manuel do Carmo aparece a cruzar com conta, peso e medida, para a cabeça de Moreira apanhar em contra-pé o guarda-redes Beto. O 2-1 veio aos 28 minutos, em mais um grande cruzamento da direita, desta vez de Mário Carlos, direitinho para a cabeça de Jairson apontar o seu 2ºgolo no campeonato. O mais dificíl estava feito e pela 3ªvez consecutiva, o Barreirense encontrava-se à frente do marcador. A equipa de Rui Bento procurou o terceiro golo e teve uma boa chance para ampliar o resultado mas bola foi à barra após um livre de Hugo Machado, que continua com a mira demasiado certeira para os postes.

Com a vantagem no marcador, após o intervalo, o Barreirense não recuou no terreno, pelo menos de forma tão vincada como havia sucedido nos anteriores dois jogos após se encontrar em vantagem, se bem que ofensivamente a equipa de Rui Bento também não conseguia dar a machadada final, o que fazia com que a incerteza no resultado se mantivesse. O Marco também não parecia capaz de fazer mais do que havia feito até aí, mas como no futebol os erros pagam-se caro, um erro do nosso capitão Pedro Duarte - que até ele teve uma tarde muito infeliz - permitiu que Sílvio se esgueirasse pela direita e empatasse novamente o jogo desta vez a 2 golos, num remate cruzado, aos 69 minutos.

A instabilidade veio ao de cima, mas a equipa ainda tentou voltar à liderança no marcador, desta vez com Ayuk, que já tinha substituído Jairson, na frente de ataque. Marco e o próprio Ayuk conseguiram incomodar Beto, que se mostrou muito seguro na 2ªparte, ao contrário da etapa inicial, isto numa altura que o Barreirense jogava com "10 unidades" já que Mário Carlos lesionou-se e fazia figura de corpo presente, numa altura que estavam esgotadas as substituições, mas à medida que o tempo avançava, começou a vir ao de cima o talento do brasileiro Matheus que aos 89 minutos conseguiu fazer o golo da vitória, após uma boa jogada de entendimento do ataque marcoense que jogou perfeitamente à vontade na área barreirense.

Sem haver tempo para mais, o jogo terminava com uma derrota muito difícil de digerir em que o único culpado será a própria equipa que autenticamente ofereceu o ouro ao bandido.

Estava o caminho aberto para o que se adivinhava: o pedido de demissão do nosso técnico, Rui Bento, a quem o site não oficial deseja as maiores felicidades para a sua carreira.

A arbitragem de Paulo Batista nem se deu por ela e quando assim é está tudo dito.

Filme do jogo:

2'- Golo 0-1 (Sílvio)
4'- livre de Hugo Machado e Beto a desviar com dificuldade para canto
14'- Golo 1-1 (Moreira)
28'- Golo 2-1 (Jairson)
31'- livre de Hugo Machado à barra
37'- remate de Helder Calviño por cima
39'- Marco Bicho tenta o remate mas a bola sai por alto
45'+2'- canto de Calviño, Ferreira cabeceia de cima para baixo, e Pedro Duarte tira sobre o risco de golo
46'- cruzamento de Mateus com Gonzalo a não chegar e Paulo Silva a agarrar
49'- grande jogada de Mário Carlos, pela direita, culminada com um cruzamento cortado pela defesa marcoense
53'- remate de Mário Carlos com o guarda-redes Beto a agarrar
61'- livre de Hélder Calviño ao lado do poste direito de Paulo Silva
62'- Hugo Machado substituído por Saavedra
65'- Jairson substituído por Ayuk
69'- Golo 2-2 (Sílvio)
71'- Marco Bicho substituído por Hugo Morais
81'- livre perigoso de Marco com Beto a segurar dificilmente
84'- remate de Matheus ao lado
85'- cruzamento da esquerda e Ayuk e cabecear muito bem, com Beto, mais uma vez muito seguro a agarrar
89'- Golo 2-3 (Matheus)

Ficha de Jogo:

Estádio - D Manuel de Mello - Barreiro
Árbitro - Paulo Batista ( Portalegre )
Assistentes - Paulo Carrilho e Luís Tavares
4º Arbitro - Valente Mendes

Barreirense - Paulo Silva; Manuel do Carmo, Miguel Ângelo, Rodolfo, Pedro Duarte, Marco, Mário Carlos, Moreira, Marco Bicho (Hugo Morais 71') Jairson (Ayuk 65') e Hugo Machado (Saavedra 62')
Não jogaram - Pedro Cardoso, Baltazar, Paulo Filipe e André
Treinador - Rui Bento
Marcador - Moreira (15'), Jairson (28')
Disciplina - Amarelos; Mário Carlos (43'), Manuel do Carmo (59') e Marco Bicho (71')

Marco - Beto; André Oliveira, Bruno Ferraz, Filipe Fernandes, Ferreira (Pedro Pontes 45'), Gonçalo (Tiago Ribeiro 80'), Calvino, Sílvio (Chiquinho 88'), João Filipe, Albertino e Matheus
Não jogaram - Ricardo, Almir e Mauro
Treinador - Carlos Brandão
Marcadores - Sílvio (2'), Carlos Pontes (69') e Matheus ( 89')

Intervalo - 2-1



Nas cabines:

Rui Bento (treinador do F.C.Barreirense):


"Não esperávamos perder este jogo mas perante erros cometidos como no nosso 1ºgolo sofrido, não há treinador que resista, ainda para mais num campeonato destes.
Tivémos um percurso preso por detalhes, detalhes esses que foram demais.
Na 1ªparte ainda nos encontrámos e marcámos em duas boas jogadas nossas , enquanto que no 2ºperíodo aconteceu a cópia daquilo que tivémos quando estamos a ganhar, não conseguindo nunca explorar o factor casa.
Depois do jogo pedi para falar com a direcção e como não quero hipotecar o trabalho que deu a conquista da subida na época passada, pedi para sair do F.C.Barreirense.
Agradeço a forma como foi trabalhar com esta direcção e jogadores e quero desejar toda a sorte a eles.
Temos que ser no futebol muito exigentes com nós próprios, e temos que ter um pouco mais de confiança e concentração. Quero que se unam todos, neste momento complicado para ajudar a equipa, inclusivamente o público do Barreiro."

Paulo Pardana (vice-presidente do F.C.Barreirense):
"Foi um jogo em que sofremos 3 golos surreais. Não tivémos uma atitude tão positiva como noutros jogos faltando estrelinha, que nestas situações é sempre necessário. Isso pesa na saída do Mister Rui Bento, que é talvez, como homem, uma das mais sérias pessoas que passou pelo F.C.Barreirense. O treinador não faz golos, nem tira a bola sobra a linha de golo, faltou a tal pontinha de sorte.
A direcção do F.C.Barreirense não pensou em ningúem para substituír o Mister Rui Bento e prova disso é que não temos um único nome de momento.
O que escreveu o jornalista do jornal "A Bola", nesta última semana, teve um peso muito grande neste jogo, nomeadamente nos nossos atletas, mas posso dizer que não é por aí que irão conseguir desestabilizar o F.C.Barreirense."

Manuel Lopes (presidente do F.C.Barreirense):
"Cometemos, neste jogo, alguns erros que nos levou à derrota.
O Mister Rui Bento fez um trabalho sério, com jogadores jovens, mas viu que não tinha condições e pediu para sair.
Não temos tido tranquilidade para segurar os resultados. Temos que ter mais atitude, mais maturidade, pois parece que a equipa está sempre sobre brasas quando está em vantagem. Queremos ganhar já na quarta-feira, ao Estoril.
Não temos nenhum treinador em vista pois não nos passava pela cabeça trocar de treinador mas terá que ser um jovem, com métodos modernos e que tenha um pouco mais de sorte que Rui Bento."

Carlos Brandão (treinador do Marco):

"Entrámos bem no jogo, mas não soubémos tornear as dificuldades que o Barreirense nos criou na 1ªparte.
Na 2ªparte entrámos mais rigorosos e concentrados e o talento dos nossos jogadores fez o resto.
Penso que, não desrespeitando o nosso adversário, foi uma vitóra justa.
Estes 3 meses de ordenados em atraso, ainda nos dão mais força."


Fotos do jogo >>>
Video dos golos >>>

Próximos eventos

domingo, 14 abril 2024 - 09:00 -10:35 : FCB(B) - Palmelense (Juvenis)
domingo, 14 abril 2024 - 11:00 -12:25 : FCB - Juv.Sarilhense (Sub-14)
domingo, 14 abril 2024 - 11:00 -12:35 : Alverca - FCB (Sub-15)
domingo, 14 abril 2024 - 11:00 -12:25 : Costa Caparica - FCB(B) (Iniciados)
domingo, 14 abril 2024 - 12:00 -13:15 : FCB - Alegria Trabalho (Infantis)
domingo, 14 abril 2024 - 12:30 -14:15 : Portimonense - FCB (Sub-14)
domingo, 14 abril 2024 - 15:00 -16:45 : Galitos - FCB (Seniores)

Últimos comentários

  • Carlos Matos
    Exibição pobre para mim que ...

    Ler mais...

     
  • Rui G
    Qual 1904... até isso roubaram....

    Ler mais...

     
  • Jose
    Apenas um relato de um roubo, muito ...

    Ler mais...

     
  • Paulo S
    Uma vez corruptos, corruptos ...

    Ler mais...

Siga-nos no...

RSS youtube facebook twitter

Contactos - www.fcbarreirense.com